Pentecostes

Pentecostes

postado em: Artigos | 0

“Quando chegou o dia de Pentecostes, os discípulos estavam todos reunidos no mesmo lugar. De repente, veio do céu um ruído como de um vento forte, que encheu toda a casa em que se encontravam. Então apareceram línguas como de fogo que se repartiram e pousaram sobre cada um deles. Todos ficaram cheios do Espírito Santo e começaram a falar em outras línguas, conforme o Espírito lhes concedia expressar-se. Residiam em Jerusalém judeus devotos, de todas as nações que há debaixo do céu. Quando ouviram o ruído, reuniu-se a multidão, e todos ficaram confusos, pois cada um ouvia os discípulos falar em sua própria língua” (At, 2,1-6).

Maria e pentecostes

 

Celebrar pentecostes não é somente lembrar de um fato que marcou o início da Igreja com o anúncio dos Apóstolos, mas antes de tudo é celebrar a promessa de Jesus no nosso meio: “Eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Paráclito, para que fique eternamente convosco” (Jo 14,16). A festa de pentecostes tem origem judaica, mas que no antigo testamente era chamada de festa da colheita (Ex 23,14ss). Essa festa marcava a oferta do povo de Deus que oferecia a Deus seus primeiros frutos produzidos do seu trabalho, era uma festa agrária. Já no novo testamento, pentecostes ganha outro sentido. Sua etimologia vem do grego pentekosté, que quer dizer quinquagésimo dia após a páscoa. Quando a celebramos, nos recordamos e pedimos novamente com toda a Igreja a “efusão do Espírito Santo, onde se realiza a plenitude da páscoa de Cristo” (Cf. CIC, 731).”É o Espírito Santo o protagonista da missão” (Redemptoris missio, 21), e é conduzidos por Ele que iremos continuarcumprindo o mandato de Jesus: “Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda a criatura” (Mc 16,15). Sem recorremos ao seu auxílio toda nossa missão não terá fruto e sentido nenhum.

Que possamos nos abrir cada vez mais a ação do Espírito Santo, para assim cumprirmos fielmente o chamado que nos foi dado como dom gratuito de Deus. E que em comunhão toda Igreja, peçamos o que o salmo 103 nos diz: “Enviai o vosso Espírito, Senhor, e da terra toda face renovai”.

Deixe uma resposta